Como escolher a escola ideal para o seu filho

Escolher a escola de educação infantil que vai receber o seu filho não é uma tarefa fácil. Afinal, trata-se de uma decisão diretamente relacionada com o desenvolvimento dos pequenos nos primeiros anos da vida.

A fase é marcada por uma série de descobertas e aprendizagens que influenciam o futuro da criança. Então, a escolha é de fato uma grande responsabilidade para os pais, que também precisam se sentir seguros e tranquilos.

Pensando nisso, a Peixinho Dourado apresenta um pequeno guia para ajudar na hora de escolher a escola ideal para a sua família. Confira os pontos a levar em consideração na fase de pesquisa por instituições de ensino:

1 – Metodologia de ensino

A metodologia de ensino vai balizar as práticas pedagógicas. Por isso, é importante verificar a linha que a instituição segue e ver se a família se identifica com os conceitos teóricos que fundamentam o ensino.

Na Peixinho Dourado Vygotsky, Piaget e Freinet são os principais pensadores que ajudam a colocar em prática o Sócio-interacionismo. O método apresenta a interação social como principal eixo de aprendizagem. Isso porque aprender e ensinar é um ato social, onde a troca de conhecimento ocorre a todo momento.

A escola também busca apoio metodológico no projeto educacional Reggio Emilia, idealizado pelo pedagogo Loris Malaguzzi. A abordagem parte do pressuposto de que a criança conhece o mundo como uma “pesquisadora”, sendo investigativa, curiosa, questionadora e atenta.

2 – Estrutura física

Espaço para brincar, criar e se desenvolver em segurança. A análise da estrutura física de uma escola de educação infantil é um ponto muito importante.

Para conhecer a estrutura física de uma escola a melhor opção é agendar uma visita. Ao entrar na instituição é possível perceber o espaço das salas e o número de crianças em cada ambiente. Os pais ainda conseguem analisar outros pontos, como condições dos brinquedos, adaptação dos banheiros, segurança na pracinha, etc.

O espaço ao ar livre também merece atenção. Afinal, é uma opção a mais de lazer, recreação e aprendizagem que se abre para as crianças.

3 – Alimentação

Os hábitos alimentarem começam a se formar na infância, desde a introdução alimentar. Por isso, é importante que a escola esteja alinhada com os princípios de uma alimentação saudável, com um cardápio feito por nutricionista e preparado com alimentos frescos e de qualidade.

Outro ponto importante a ser considerado no quesito alimentação é referente à alergias e intolerâncias alimentares. Como a escola recebe alunos com algum tipo de restrição? Existe uma atenção e acompanhamento especial? Aproveite a oportunidade de uma visita para tirar todas as suas dúvidas em relação a isso.

4 – Atividades extras

As aulas especiais de uma escola oportunizam diferentes vivências, que acabam contribuindo no processo de desenvolvimento e aprendizagem. Através dela é possível favorecer evoluções cognitivas, motoras, sociais e emocionais, alguns dos pilares da formação infantil.

Balé, judô e musicalização são alguns dos exemplos que podem ser trabalhados no âmbito da educação infantil.

Outra aula que favorece o desenvolvimento das crianças e pode ser considerada como diferencial em uma escola é o ensino do inglês. Vivências já a partir do berçário contribuem na familiaridade com a língua e na formação de vocabulário.

5 – Equipe profissional

A equipe que atende a educação infantil deve ser multidisciplinar, contando com profissionais da nutrição, enfermagem, pedagogia, psicologia, entre outras áreas com um olhar para a educação infantil.

É importante que os pais verifiquem a qualificação da equipe da escola, podendo questionar a instituição também sobre atualizações, cursos e processos contínuos de aprendizagem.

Outros questionamentos

Mais dúvidas que podem surgir ao escolher a escola ideal para o seu filho:

– Como é o acesso ao prédio da escola?

– Como é o controle de entrada?

– Apenas pessoas autorizadas pelos pais podem buscar as crianças?

– As crianças usam uniforme?

– Como é a rotina de cada turma (horários de alimentação, sonecas, etc)?

– Os pais precisam comprar algum material escolar ou já está tudo incluído na mensalidade?

– Qual o investimento em mensalidade e alimentação?

– Como a escola comemora aniversários de alunos? São permitidas festas no espaço escolar?

– Quais festas a escola comemora ao longo do ano (datas comemorativas)?

Tais questionamentos podem ser verificados em visita à escola e encontro com a direção. São pontos que permitem aos pais uma visão geral da instituição, na busca por identificação com o trabalho realizado com a educação infantil.

Tenha em mente que seu filho vai passar boa parte da rotina no ambiente escolar. Por isso, é importante que os pais tenham segurança e realmente acreditem que a escola escolhida é a melhor opção para a família.

A adaptação escolar pode ser carregada de receio e até culpa por parte de alguns pais. Contudo, se a escolha acontecer com convicção, a chance de sintonia entre pais e escola é muito maior.

Isso com certeza terá um impacto positivo na integração da criança, que também vai sentir a tranquilidade da família e responderá com confiança à nova rotina escolar.